Dias de Querer

Há dias assim… daqueles em que penso demasiado, em que observo demasiado, em que oiço demasiado. Dias em que me sinto em pé de guerra com o mundo e ao mesmo tempo cheia de amor por ele… tanto amor que me apetece deixá-lo porque sinto que já não lhe encaixo e devo seguir caminho. Para longe do cheiro a…

A Mulher Sagrada

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ Texto via cafeealgumaspoesias.blogspot.pt ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ A Mulher para atingir a sua plenitude precisa ser livre; Livre de certezas, padrões e posturas. Ela precisa abandonar seu estereotipo do padrão que foi criado lhe dizendo o que é bom, para poder rasgar-se e encontrar o que ela acredita ser bom para si. A Mulher encontra a sua…

O caminho do Ser “Entre Aspas”

Para meter nojo, hoje apetece-me divagar sobre essa grande palavra (literalmente), que para alguns é algo distante, que para outros é bastante próxima, para uns cliché, banal, para outros especial. Para uns é objecto de gozo, para outros regra de ouro. Para uns indiferença, para outros um sentir, para uns imposição, para outros diversão  – A “espiritualidade” –…

Viver da imaginação e não da memória – movimento sem limite

Parar é morrer, dizem. Parar naquilo que se prolonga, só para não se ter de matar, com medo de renascer. Parar nos mesmos sítios. Nas mesmas ideias. Nos mesmos olhares. Parar nas perguntas, nas respostas. Parar nas tristezas, nas surpresas. Parar nas pessoas que foram, naquelas que nunca vieram, naquelas que estão e também não…

É este o meu tamanho

sou pequenina sob o olhar atento das nuvens no céu de seu profundo azul no espaço entre paredes de outros tempos que se erguem em meu redor na história do Homem, que se aventurou à conquista sem saber se um dia iria regressar perante os gestos inesperados de gentileza dos desconhecidos que se cruzam comigo E as…

O vento e a transformação

Aurora sai de casa para fazer umas tarefas de fada do lar. Calha ser em plena tarde solarenga, mas é assim. Os dias têm estado muito quentes, num pronúncio da chegada para breve do Solstício de Verão, e ao contrário das queixas de todas as outras pessoas, ela repara que se sente muito bem com essas…

Nascemos para ser nómadas

Fomos concebidos para isso e agraciados com o dom da Adaptação num Planeta de vários ambientes e com a capacidade de albergar e cuidar de todos os seres vivos em condições favoráveis e com dignidade. Contudo, escolhemos ficar sempre no mesmo sítio. Em milhares de anos que habitamos este Planeta, a nossa evolução deu-se num caminho…

Perfeitos desconhecidos

Caminham ambos, vindos de direcções opostas, indo na direcção um do outro. Perfeitos desconhecidos. Guiados pela mesma vontade inexplicável de atravessar a ponte para o lado de lá, caminham. Numa solidão introspectiva e desejada, por aí vão de cabeça baixa, imbuídos nos seus pensamentos de insatisfação e rebeldia. Algo drástico deveria acontecer nas suas vidas…

Põe as asas e perde-te

Põe as asas e perde-te no espaço que os teus sonhos ocuparem. Deixa-te ir… Deixa que a brisa da imaginação te leve, tranquilamente, a sítios por onde nunca andaste. Sítios criados de improviso ao sabor das tuas emoções do instante, anseios, vontades, curiosidades, puxando as cores vivas e apetitosas que te apetecerem. Puxando as texturas…